segunda-feira, 9 de abril de 2018

TERCEIRA EDIÇÃO DE 09-4-2018 DO 'DA MÍDIA SEM MORDAÇA'

NO DIÁRIO DO PODER
IMPEDIMENTO
ADVOGADO DE LIMINAR PRÓ-LULA FOI GENRO DO MINISTRO QUE RELATA O CASO
EX-GENRO DE MARO AURÉLIO É QUEM TENTA SOLTAR CORRUPTOS PRESOS
Publicado segunda-feira, 09 de abril de 2018 às 07:44 - Atualizado às 07:57
Um dos advogados que assinou a liminar protocolada pelo Patriotas, que tenta revisar o entendimento do Supremo Tribunal Federal (STF) sobre a prisão em segunda instância e pede a suspensão de todas elas, é ex-genro do ministro do Supremo, Marco Aurélio Mello, relator do pedido na Corte.
Cláudio Pereira de Souza Neto foi casado com Letícia de Santis Mello, filha do ministro Marco Aurélio. As informações foram divulgadas pela revista Veja.
Pela proximidade entre o ministro e o advogado, juristas opinam que Marco Aurélio teria que se declarar impedido de julgar a liminar, o que redistribuiria o caso a outro membro do Supremo. No entanto, isso não aconteceu ainda. Na última sexta (6), o ministro até se reuniu com seus assessores para discutir o caso.
Na última quarta-feira (4), o ministro Marco Aurélio votou a favor do pedido de Habeas Corpus feito pela defesa do ex-presidente Lula. No entanto, a maioria dos ministros da Corte votou pela rejeição do Habeas Corpus.
Neste sábado (7), Lula foi preso, após a determinação do juiz Sérgio Moro, da 13ª Vara Criminal Federal de Curitiba, para que o ex-presidente começasse a cumprir a pena.

QUEBROU O NARIZ
DEFENSOR DE VAQUEJADAS, DEPUTADO FEDERAL CAI DE CAVALO E É PISOTEADO
ACIDENTE ACONTECEU NA TARDE DESTE DOMINGO, 8. 
Publicado segunda-feira, 09 de abril de 2018 às 12:37
Da Redação
O deputado federal André Amaral (PROS-PB) sofreu um acidente durante a realização de uma vaquejada no domingo, 8, em Mataraca, no litoral norte da Paraíba. O parlamentar caiu do cavalo e foi pisoteado enquanto tentava derrubar o boi. O cavalo caiu por cima dele.
André Amaral foi socorrido consciente para o Hospital Nossa Senhora das Neves, em João Pessoa, onde passou por procedimentos de emergência. De acordo com a assessoria, ele quebrou o nariz.
O deputado André Amaral foi examinado na manhã desta segunda-feira, 9 e, por meio da assessoria, informou que "por intercessão divina, estamos aqui para celebrar essa coisa tão importante que é a vida". Um boletim sobre o estado de saúde dele deve ser divulgado ainda hoje.
O parlamentar já fez parte da comissão que defendeu que a vaquejada deveria ser reconhecida como esporte e cultura, na Câmara Federal. O tema é bastante polêmico. O Supremo Tribunal Federal (STF), já julgou inconstitucional a prática, que é considerada ato de crueldade com os animais.

NO O ANTAGONISTA
Para livrar Lula, ministros querem impedir Fachin de votar no HC de Maluf
Brasil Segunda-feira, 09.04.18 11:50
Procuradores detectaram uma emboscada contra a Lava Jato em gestação no STF.
O Habeas Corpus de Paulo Maluf entrou na pauta de quarta-feira, juntamente com o de Antônio Palocci. Como publicamos, a intenção de Cármen Lúcia foi dificultar, com isso, o julgamento das ADCs contra a prisão em segunda instância que Marco Aurélio Mello quer impingir ao plenário.
Só que do HC de Paulo Maluf consta o pedido de impedimento de Edson Fachin, matéria que já estava pacificada pela inadmissibilidade.
Como não há mais matéria pacificada num STF em luta aberta, se o pedido de impedimento for admitido, Fachin, autoridade coatora, não poderá votar. E, se der empate na votação do mérito do HC, Maluf estará livre.
O pulo das feras é o seguinte: se Fachin não puder votar no caso de Maluf, os HCs de réus da Lava Jato, incluindo o de Lula, serão impetrados com o ministro igualmente impedido. E todo mundo sai da prisão com o provável 5 a 5 na votação.
Sim, é exatamente isso: para livrar Lula, eles tentarão livrar Maluf antes.
O STF é uma savana africana. Você acha que está tudo calmo, mas os predadores estão sempre à espreita para dar o bote.

Palocci, o HC e a delação
Brasil 09.04.18 15:19
Abandonado de vez pelo MPF, Antonio Palocci tem tentado um acordo de delação premiada diretamente com a Polícia Federal.
Caso consiga o HC no Supremo, na quarta-feira, as negociações serão automaticamente suspensas.

A doce vida de militantes
Brasil 09.04.18 15:00
O Estadão noticia que Dilma Rousseff, Manuela D’Ávila e Guilherme Boulos vão viajar aos Estados Unidos e à Europa, para “denunciar” a “prisão política” de Lula.
Como é doce a vida de militantes…

O papa, o diabo e os embargos auriculares no STF
RSociedade 09.04.18 14:46
Na sua nova exortação apostólica, sobre “santidade”, o Papa Francisco diz que “defender os fracos e os migrantes não é comunismo”.
Depois da notícia de que teria afirmado que o inferno não existe, o papa enfatiza que o diabo mora ao lado: “Não é uma representação, uma figura ou uma ideia. Tal engano nos leva a baixar a guarda, a descuidar-nos e a ficar mais expostos. Nos envenena com o ódio, a tristeza, a inveja, os vícios. E assim, enquanto diminuímos as defesas, o diabo aproveita para destruir a nossa vida, a nossas famílias e as nossa comunidades”.
O diabo também aproveita para fazer embargos auriculares no STF, enquanto baixamos a nossa guarda.

Calma, Manuela
Brasil 09.04.18 14:31
Manuela D’Ávila, que tinha acabado de pedir “cabeça fria” à militância em Curitiba, ficou nervosa com um homem que se aproximou para fazer uma selfie com os dois.
O homem pôs o braço sobre o ombro da deputada e gritou: “Aqui é Bolsonaro. Chupa!”
Foi retirado por PMs da área, em tese restrita a parlamentares, jornalistas e moradores.
Logo depois, acompanhada de Lindbergh Farias e Paulo Pimenta, Manuela foi até o prédio da PF em Curitiba, alegando que houve uma agressão e pedindo investigação. “Eu quero saber quem ele é!”
Calma, Manuela.

A PF não é o Sindicato dos Metalúrgicos
Brasil 09.04.18 13:51
Camilo Santana, do PT do Ceará, disse à imprensa do seu Estado que está acertando os detalhes da visita dos governadores do Nordeste a Lula com os advogados do condenado preso.
Ele deve achar que o prédio da PF em Curitiba é o Sindicato dos Metalúrgicos do ABC.

Os governadores de Lula
Brasil 09.04.18 13:48
Vejam a lista dos governadores que devem compor a caravana de Camilo Santana (PT-Ceará) para provocar tumulto na Superintendência da PF em Curitiba:
— Renan Filho (MDB-Alagoas);
— Rui Costa (PT-Bahia);
— Flávio Dino (PC do B-Maranhão);
— Ricardo Coutinho (PSB-Paraíba);
— Wellington Dias (PT-Piauí);
— Robinson Faria (PSD-Rio Grande do Norte);
— Jackson Barreto (MDB-Sergipe).

Rosa Weber não é Gilmar Mendes
Brasil 09.04.18 11:29
Rosa Weber deve confirmar na quarta-feira o voto que deu na semana passada.
Ao contrário de Gilmar Mendes, ela se recusa a mudar as leis de acordo com o réu.
É o que diz a Folha de S. Paulo:
“O teor da manifestação da juíza foi coerente com seu modo de portar-se. Não dá entrevistas nem antecipa opiniões, não patrocina lobbies nem se mete em assuntos que conotem conflito de interesse. Não desafia a jurisprudência.
Uma corte suprema não deveria ser fator de insegurança, com mudanças bruscas de rumo. Os mapas que norteiam os juízos não se alteram só porque a maioria passou a pensar diversamente.
É preciso algo mais, como vários anos de acúmulo de precedentes no sentido contrário ou um choque da realidade fática, para alterar a jurisprudência do STF. Eis os pressupostos do voto da ministra Weber (…).
Decerto ela fez opção entre dois valores jurídicos — a necessidade de evoluir e a de assegurar previsibilidade à expectativa dos agentes sociais. Preza mais o segundo, o que não significa anulação nem estrangulamento do primeiro.”

A retórica de Lula ficou rouca
Brasil 09.04.18 10:25
O Antagonista registra que, no auge das manifestações em torno do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, não havia muito mais de 3 mil pessoas — quando Lula deixou o prédio para se entregar, não eram mais do que 300.






Nenhum comentário:

Postar um comentário